terça-feira, 8 de novembro de 2011

A cara do Código Florestal



Um protesto de estudantes contra a reforma no Código Florestal terminou com um deles agredido e algemado por seguranças do Senado nesta terça-feira.

O aluno de geologia da UnB, identificado apenas como Rafael, tentava intervir numa briga entre um colega e um dos seguranças na porta da Comissão de Constituição e Justiça, quando foi agarrado pelo pescoço e arrastado.

Após a "gravata", Rafael levou um tiro de uma pistola de choque ("Taser") e desmaiou.

A votação nas comissões terminou com a aprovação quase unânime do relatório de Luiz Henrique, relator do projeto do novo Código Florestal na Comissão de Constituição e Justiça.

Uma manobra regimental proposta pelo senador Waldemir Moka (PMDB-MS) permitiu que os destaques de alguns senadores ao texto fossem votados em bloco, numa sessão marcada para amahã.

*Com informações da Folha de São Paulo


Veja também um vídeo das agressões:
Comentários
1 Comentários

1 comentários:

Giambatista Brito disse...

Salve Cândido,

Postei uma montagem com quatro fotos do Rafael lá no blog. Dá uma olhada: http://devehaveralgumlugar.blogspot.com/2011/11/senado-experimenta-um-verdadeiro-choque.html